13/10/2016

Equipamentos de Segurança: Tecidos

Boas Galera!
Jaqueta Tutto Custom
Feminina Couro

Vamos listar aqui os tecidos que são usados para fabricar nossos equipamentos, tanto nossas jaquetas quanto nas calças, botas e luvas. Com o avanço da tecnologia, existem hoje vários tipos de tecidos e muitas vezes não sabemos qual seria a nossa melhor escolha. Vamos relatar aqui sobre a qualidade de cada um dos tecidos.

O couro é o material mais tradicional na confecção de roupas para nós motociclistas. O couro geralmente utilizado é o bovino, mas há peças de roupas confeccionadas com couro de muitos outros animais, como o canguru, porco, cabra, avestruz etc. 



Couro Bovino
As roupas de couro tem a vantagem de serem mais resistentes a abrasão do que as de tecidos sintéticos e garantem uma proteção maior contra impactos diretos. As desvantagens são o peso elevado e a característica de encharcar quando molhadas, molhando o usuário, ficam molhadas por muito mais tempo, o que deixa a roupa ainda mais pesada e menos maleável, sendo assim, não é indicado usar roupas de couro nos períodos chuvosos.


Polyester 600D
As roupas de couro são mais indicadas quando a proteção precisa ser muito grande, basicamente para se andar em alta velocidade em Track Days por exemplo. Já as roupas de tecido sintético, são mais indicadas para uso diário ou em viagens, onde o motociclista está sujeito a variações climáticas e corre o risco de se molhar eventualmente.

Hoje no mercado encontramos alguns tipos diferentes de tecidos sintéticos, que vão diferenciar nas suas aplicações e suas resistências. O mais tradicional e usado é o poliéster 600D ou poliéster 650D que nada mais é do que digamos "um genérico" da famosa Cordura, que na verdade é uma marca registrada. A diferença entre elas é que o 650D tem as tramas do tecido mais fechadas e mais resistente a variações de temperatura, o 600D é um pouco mais leve e por isso mais usado e indicado em equipamentos para uso diário. 

A Cordura é o nome registado do Nylon 6.6 desenvolvido pela DuPont e fabricado pela INVISTA. Ele é usado num grande número de produtos que vão desde mochilas, botas, vestuário militar (tais como bainhas para facas táticas e bolsas para munições), até os nossos vestuários de alta performance. Foi criada para ter uma longa duração, ser leve e super resistente à abrasão, cortes e rasgões.


Todos os tecidos com a marca CORDURA obrigatoriamente tem que serem certificados pela INVISTA, para assegurar que se cumpram os padrões de durabilidade e de qualidade propostos pela marca, que é reconhecida pela resistência à abrasão, rasgos, perfurações e fricções. A INVISTA é um dos maiores produtores de polímero e fibras primariamente para as aplicações de nylon, spandex, e poliéster, intermediários e fibras do mundo, está presente em mais de 20 países


Resistência à abrasão



20 x mais resistente que o Algodão



10 x mais resistente que a Lã



4 x mais resistente que o Nylon 400



3 x mais resistente que o Poliester 600


Jaqueta Dainese Strandon - Gore-Tex 
Como com o polyéster, existem variedade de classificação em relação a cordura, que também normalmente é identificadas por um número, tipo Cordura 500, Cordura 600, Cordura 1200, onde quanto maior o número, maior a resistência do tecido.

Como funciona o Gore-Tex
Esta evolução dos tecidos trouxe avanços bem significativos em relação a utilização de materiais cada vez mais leves e que conseguem reter melhor o calor corporal ao mesmo tempo em que expele o excesso de umidade gerada pela transpiração do corpo, reduzindo o risco de hipotermia, congelamentos e nos mantendo secos em relação as roupas confeccionadas com os tecidos convencionais.


O Gore-Tex, é uma membrana microporosa de teflon expandido (como uma espécie de plástico muito fino com micro poros, milhares de vezes menores que as gotas de água, e centenas de vezes maiores que as do vapor de água), por isso os casacos confeccionados com o Gore-Tex resistem a fortes oscilações térmicas. O frio, a chuva e a neve não penetram no interior do agasalho e o corpo se mantém seco e aquecido. Por oferecer esses benefícios incríveis, as peças de Gore-Tex são as mais indicadas aos viajantes que pretendem passar por lugares com baixas temperaturas.

Membrana Gore-Tex
Em relação ao couro, as jaquetas de tecido (Poliéster 600D, 650D, Cordura ou Gore-Tex) são mais leves, proporcionam mais conforto e uma melhor proteção contra quaisquer situações climáticas que sejam mais intensas e têm uma grande resistência à abrasão. 

O Kevlar é uma fibra de aramida, fabricada também pela DuPont, ela é usada na fabricação de diversos artigos de vestuário, acessórios e equipamentos seguros e resistentes a cortes. Trata-se de um polímero com resistência ao calor e cinco vezes mais resistente que o aço por unidade de peso. A fibra é leve, durável e extraordinariamente forte. Mais conhecida por seu uso em coletes resistentes a balas e armas perfurantes. O fio e a fibra de Kevlar estão disponíveis em uma variedade de tipos, cada um com suas exclusivas propriedades e características de desempenho para atender a diferentes necessidades de proteção.
Kevlar

Por si só, estes tecidos conseguem nos dar um bom amparo em relação a proteção, mesmo em uma queda por mais simples que seja a sua jaqueta os prejuízos físicos serão menores e vale a pena o investimento. Sem contar que hoje temos equipamentos que realmente contribuem em não nos cozinhar dentro delas... Mais a frente falaremos em específico de cada equipamento, ok?



Espero ter ajudado...



Boas Estradas!!!




Clique nos links abaixo e leia as matérias anteriores sobre Equipamentos de Segurança:

Sobre Capacetes

Sobre as Normas Europeias e as CE Pt.1 e Pt.2


Um comentário:

  1. Obrigado pelas informações agora sem como fazer para me proteger melhor para andar de motocicleta

    ResponderExcluir